Visitas

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Customização de calças, camisas e camisetas






Vejam essas peças, super fácil de fazer. Aquela calça, camiseta ou camisa que a gente já não aguenta mais, customizando ficam lindas. Fotos tiradas da internet.

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Sua saúde e sua vida dependem de suas escolhas!!!

Este alerta está colocado na porta de um espaço terapêutico

O resfriado ocorre quando o corpo não chora.
A garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.
O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.
O diabetes invade quando a solidão dói.
O corpo engorda quando a insatisfação aperta.
A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.
O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.
A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.
As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.
O peito aperta quando o orgulho escraviza.
O coração enfarta quando chega a ingratidão.
A pressão sobe quando o medo aprisiona.
As neuroses paralisam quando a "criança interna" tiraniza.

O plantio é livre. A colheita, obrigatória.
Normalmente, o(s) sintoma(s) ocorre(m) 3 dias após o "acontecido". Descubra o que te prejudicou e coloque para fora, em conversa com amigos ou com um profissional, que vc se cura!!!


Escolha ser feliz!!!!

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Sapatos Arezzo

Este sapato da Arezzo, foi usado por mim apenas 3 meses, e nem usava todos os dias. Um dia andando na rua este ferrinho da foto saiu e eu quase me acidentei. Após alguns e-mails para Arezzo eles me responderam que isso aconteceu por excesso de uso, pode!!!
Falei com um advogado que me orientou a aciona-los judicialmente, porém a justiça no nosso país demora tanto que nem me animei. Mas deixo aqui registrado, pq na Arezzo nunca mais compro sapatos.

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Pandoro




Pra quem não conhece é um pão doce italiano, alguns chegam a dizer que é um panetone sem frutas.
Só sei dizer que é uma delicia, leve e macio! Se alguém souber aonde se compra essa maravilha em São Paulo me avise, foi paixão a primeira dentada...rsss.
Pensei em fazer essa delícia, porém o trabalho é imenso, desisti! (por enquanto...rs)
O ideal é comprar pronto mesmo.

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Deputado Federal José Antônio Reguffe

José Antônio Reguffe, de 38 anos, foi o deputado federal mais bem votado do país em termos proporcionais. Escolhido por 266.465 eleitores, o equivalente a quase 19% dos que foram às umas no Distrito Federal, ele superou fenômenos televisivos, como Tiririca, e integrantes de clãs políticos tradicionais. No primeiro dia de trabalho, o parlamentar expediu seis ofícios à diretoria-geral da Câmara. Abriu mão do 14° e do 15° salários reduziu o número de assessores no gabinete, cortou gastos com salários de assessores e diminuiu sua verba de atividade parlamentar. Como morador de Brasília, naturalmente também abriu mão do auxílio-moradia e das passagens aéreas. As medidas resultarão em uma economia de 2,4 milhões de reais nos próximos quatro anos. Se elas fossem seguidas por todos os 513 deputados, a economia chegaria a 1,2 bilhão no mesmo período. Reguffe tomou medidas idênticas quando exerceu o mandato de deputado distrital em Brasília. Além de ter demonstrado que é possível um parlamentar trabalhar sem mordomias em excesso, o deputado brasiliense teve uma votação que prova como isso está em sintonia com o que pensa o eleitor.
EXEMPLO José Reguffe dispensa benefícios que oneram os cofres públicos. Sim, ele existe

QUINZE SALÂRIOS
O primeiro ofício que José Antônio Reguffe enviou à diretoria-geral da Câmara foi para pedir que não fossem depositados em sua conta os dois salários que os depurados recebem anualmente chamados de "ajuda de custo". Trata-se, na prática, de um 14° e um 15° salários, de 26723,13 reais cada um. Ao longo dos quatro anos de mandato, a medida levará a uma economia de 213785,04 reais para a Câmara.
"Esse foi um compromisso com meu eleitor. Não acho que seja correto que um deputado tenha direito a salários extras. Todo trabalhador recebe treze salários por ano. Portanto, nada mais lógico que um representante desse trabalhador também receba apenas treze salários por ano. É o justo."
COTA PARLAMENTAR
A Câmara criou uma cota para custear todos os gastos dos parlamentares com seu trabalho. Com valores que vão de 20030 a 34000 reais mensais, o dinheiro deveria ser usado para pagar despesas com passagens aéreas, selos, telefone, combustível, aluguel de carros e pagamento de consultorias. Como a fiscalização é muito frouxa, são frequentes os indícios de uso irregular. Reguffe pediu que sua cota fosse reduzida de 23030 reais para 4600 reais. Em quatro anos, a economia com a medida será de 884640 reais.
 
"Esse valor de 23030 reais é exorbitante, excessivo. O mandato parlamentar pode ser exercido com qualidade a um custo bem menor para os contribuintes. Pela minha experiência na Câmara Legislativa, acho que 4600 reais é um valor viável. É suficiente para manter o gabinete funcionando bem."

VERBA DE GABINETE E ASSESSORES

Os deputados têm direito a 60000 reais para contratar até 25 assessores para seus gabinetes. Reguffe estabeleceu junto à direção da Câmara que terá no máximo nove assessores e que não gastará mais que 48000 reais com os vencimentos, uma redução de 20% na verba. Só com os salários, a economia será de 624000 reais ao longo dos quatro anos. Mas ainda há o enxugamento de benefícios. Apenas com vale-alimentação dos dezesseis funcionários que não serão contratados, a Câmara economizará 514560 reais até 2014. "O número de assessores a que um parlamentar Tem direito é excessivo. Nós precisamos de bons Técnicos para exercer um mandato digno. Agora, 25 assessores. Se todo mundo vier trabalham; o gabinete não comporta nem a metade. É um gasto que parece servir como uma espécie de estatização de cabos eleitorais. Eu tenho um gabinete que vai me servir bem, que vai me dar amparo, sem precisar  de tanta gente."
Fonte http://clippingmp.planejamento.gov.br/cadastros/noticias/2011/2/7/deputado-diferente